UM MEIO DE ELEVADA CULTURA

NELSON M M CARDOSO

Encerramos, com este artigo, a série sobre a Bíblia Hebraica e a sua importância para conhecer a história de um povo onde também nasceu Yehoshua, conhecido como Jesus de Nazaré, o Cristo e o Messias criado posteriormente pela religião cristã.

Yom Kippur é o dia mais sagrado do ano  para o Judeu. É o dia do perdão

Conhecer e analisar os textos bíblicos nos mostra a elevada cultura do povo hebreu e embora tenhamos raízes diferentes na nossa cultura, predominantemente greco-romana, o admiramos e respeitamos. Traremos textos escritos por um grande conhecedor da cultura hebraica e respeitado no mundo todo. O livro que contém esses textos foi usado como referência para esta série e o autor assim o define: “Este livro constitui, de fato, uma introdução à leitura da Bíblia”. (CHOURAQUI, 1978, p.339). Ele procura mostrar de maneira detalhada todas as atividades presentes na rotina daquela sociedade onde as leis que a regia foram previamente determinadas por Yahweh Elohim, seu Deus único. Lemos com uma riqueza de detalhes que a Bíblia registra a história deste povo sem a omissão de fatos ocorridos. Vamos então, aos dois destaques de hoje:

Manifestação de Deus a Moises, uma dialética do diálogo

Os hebreus levaram vários séculos para redigir a Bíblia. É surpreendente a impressionante unidade de fundo e de forma da coleção dos trinta e nove livros que transmitiram o pensamento de Israel de século em século através do mundo. Estamos, visivelmente, diante de uma nova linguagem da humanidade, de um pensamento que jamais perderá sua originalidade e que escolhe caminhos naturais, inexplorados e inimitáveis da comunicação humana. (…) Os profetas esbravejam sem cessar contra Israel, sublinham de era em era, de página em página, seus crimes, suas infidelidades, seus pecados, suas traições. Não cessam de maldizer as fraquezas e de descrever, com uma minúcia apaixonada, as consequências do mal que Israel comete. Este é o papel deles, e sabemos com que brilho duradouro o desempenham. Contudo, cumpre dizer, esse povo, de que os profetas dizem tanto mal, é o mesmo que recolhe com devoção as palavras desses censores inspirados, que tudo subordina à conservação e a transmissão de seus ensinamentos religiosos.” (CHOURAQUI, 1978, p.205/206).

O Shabat – significa “o descanso” em hebraico.

No fim, encontra-se o anúncio do Messias, que trará a libertação esperada por Israel e pelas nações. O messias é o ungido de Iahweh, o meshiah. Eleito por ele, recebe a mesma unção dos reis e dos sacerdotes. Ele é concebido e aguardado como um rei e um sacerdote ideal, em que e por quem realizarão todas as promessas da Aliança. Ele fará reinar a paz e a benção, depois de ter derrotado todos os seus inimigos. Seu poder vem de Iahweh, de que é o filho, o primogênito, o bem-amado(ª). (CHOURAQUI, 1978, p. 296).

Esse Messias, sendo humano ou simbolizando uma era de paz que está por vir é aguardado até hoje pelo povo judeu. “Assim, a doutrina dos profetas não é fruto de uma utopia, mas de uma visão e de uma predição. A justiça social, a paz, a metamorfose da humanidade e da natureza sobrevirão porque Iahweh o diz e porque Ele quer. Em seu reino, o rico e o pobre, o carnívoro e o herbívoro, Israel e as nações acabarão coexistindo em paz.” (CHOURAQUI, 1978, p.299).

A elevação moral do ser humano, o sentido fraterno que essa moral apresenta, solicita-nos o próprio conhecimento, descobrindo as sombras que carregamos e buscando a nossa autonomia não apoiados em fáceis promessas de salvação pela fé vazia de responsabilidades e da crença pela crença; o simbolismo de “ser fiel à Deus” é na realidade o de estar em harmonia com o crescente progresso que rege a evolução do universo com que tudo nele está presente, sem exclusões.   

(ª) – Sl. 2; 20; 21; 72, entre os inúmeros salmos messiânicos. Cf. Paul Vuillaud, Les Psaumes messianiques.

BIBLIOGRAFIA: Os Homens da Bíblia – André Chouraqui.

Um comentário em “UM MEIO DE ELEVADA CULTURA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.